Conexão entre o sistema imune e o intestino

Atualizado: 20 de Out de 2020

Sempre que uma doença infecciosa, como a COVID-19, ameaça a saúde de milhares de pessoas, surge a preocupação de como o nosso sistema imunológico funciona.


celulas de defesa do sistema imunológicos

No geral, a resposta imune humana ajuda a gerenciar uma infinidade de tarefas, uma das mais importantes é combater os patógenos. Como uma grande proporção de nosso sistema imunológico está alojada em nosso intestino, o microbioma intestinal desempenha um papel fundamental na determinação de quando e quão bem nossa resposta imunológica opera.


Manter o sistema imunológico funcionando de maneira ideal está na mente de muitas pessoas que estão buscando maneiras de melhorar sua imunidade. Em razão do momento ao qual estamos vivendo em função do COVID-19, devemos reforçar nossos cuidados, principalmente quando falamos de imunidade.

Embora existam medidas específicas, as pessoas em risco ou com sintomas do COVID-19, devem seguir as recomendações do Ministério da Saúde e procurar as unidades de saúde.


Inúmeros trabalhos científicos mostram que existe um relacionamento benéfico entre o microbioma intestinal, os alimentos que você come e a imunização de forma geral. Neste post, vamos ajudá-lo a entender como melhorar seu o sistema imunológico e entender as muitas maneiras pelas quais podemos controlar nossa saúde.


Microbiota intestinal


Nosso corpo, e especialmente nosso intestino, abriga trilhões de bactérias benéficas que vivem em perfeita harmonia, ajudando-nos a digerir alimentos, eliminando toxinas, produzindo moléculas ativas e educando nosso sistema imunológico para nos proteger contra microrganismos patogênicos.


A relação entre o indivíduo e sua microbiota é chamada de mutualismo, o que significa que esta relação é vantajosa para ambos. Enquanto provemos a elas um ambiente propício para a sua sobrevivência, elas nos fornecem proteção contra patógenos, síntese de vitaminas, absorção de nutrientes e digestão.


Hoje, a ciência alcançou um nível sólido de entendimento das correlações observadas entre a estrutura e composição do microbioma intestinal com a saúde ou doença. Dependendo do equilíbrio e da aptidão da microbiota intestinal, nossa resposta imunológica pode se mostrar forte e resistente ou mais debilitada.


Nutrir nosso ecossistema intestinal pode ser uma das maneiras mais efetivas de reforçar nossa resposta imunológica. Felizmente, existe um papel natural entre nossa dieta e a composição de nosso microbioma intestinal, facilitando a manipulação e o ajuste da nossa microbiota.


A melhor maneira de gerenciar isso é aprendendo a usar a nutrição como um meio de medicina preventiva - tanto para doenças crônicas ou contra agentes infecciosos - e cada pessoa adotar as medidas necessárias para colocar sua saúde em dia. No entanto, este não é um caminho único para todos. Cada indivíduo requer orientação única que pode depender da idade, sexo, saúde, genética, localização geográfica e fatores ambientais.


um pai alimentando uma criança pra melhor o sistema imunologicos

Permeabilidade Intestinal